Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

observatorio74


Quinta-feira, 24.05.12

O Purgatório de Portinari

Purgatório
[1944]
Desenho a grafite/cartão
11 x 38.5cm (aproximadas)
Petrópolis, RJ

Portinari
Purgatório
[1944]
Desenho a grafite/cartão
12 x 38.5cm (aproximadas)
Petrópolis, RJ

Portinari
Diabo
[1956]
Desenho a nanquim bico-de-pena/papel
32 x 25cm
Brodowski, SP


Portinari
Purgatório
[1944]
Painel a óleo/madeira
60 x 200cm
Petrópolis, RJ

Portinari
Anjo Mau
c.1943
Pintura a óleo e têmpera/tela
100 x 80cm
Rio de Janeiro, RJ

Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 01:18

Quinta-feira, 17.05.12

Pablo Picasso

Pablo Diego José Francisco de Paula Juan Nepomuceno María de los Remedios Cipriano de la Santísima Trinidad Ruiz y Picasso. Mais conhecido como “Picasso”.
Pablo Picasso
Pablo Picasso
Reconhecido como um dos Grandes Mestres da arte do Século XX, produziu um impressionante número de obras que historiadores e pesquisadores de arte dividiram em periodos individuais divididos em temas e cores. Suas aproximadamente 20.000 obras começaram a ser representadas ainda na infância influenciado pelo pai, professor de desenho na Escuela de San Telmo.
Aos 15 anos estudava desenho na Academia de Arte Real de Barcelona e hoje é considerado um dos artistas mais famosos do mundo.

Segundo a Wikipédia:
Roland Penrose, um dos mais conhecidos biógrafos de Picasso, procurou nas suas origens a razão da sua genialidade e da sua abertura à arte, algo natural na compreensão de um gênio. Na geração dos seus pais são vários os vestígios. O seu pai era pintor e desenhista, de bem medíocre talento. Don José dedicava-se a pintar os pombos que pousavam nos plátanos da Plaza de la Merced, perto da sua casa. Ocasionalmente, pedia ao filho para lhe acabar os quadros. A linhagem paterna possibilitou-se estudar até ao ano de 1841. Da descendência materna pesquisada, Dona María contava entre os antepassados com dois pintores. As feições de Picasso são também semelhantes às da mãe.
Influenciado por Gauguin, Toulouse-Lautrec, Velásquez, Manet, Cézanne,
morre em 08 de abril de 1973 aos 91 anos um dos artistas mais criativos e apaixonado de   todos os tempos.

Busquei na internet suas principais obras e
as com melhor qualidade vieram para essa galeria.


Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Pablo Picasso

Source: google.com via Luiz Carlos on Pinterest


Source: es.wahooart.com via Luiz Carlos on Pinterest


Source: Uploaded by user via Luiz Carlos on Pinterest


Source: flavorwire.com via Luiz Carlos on Pinterest








Source: dangerousminds.net via Luiz Carlos on Pinterest









Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 08:39

Sábado, 12.05.12

Pintura Super-realista de David Jon Kassan


Pintor David Jon Kassan painéis a óleo super-realistas,
que dá um toque de vivacidade, é fantástico.

Abaixo estão apenas algumas de suas obras de arte incríveis.















Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 23:01

Segunda-feira, 30.04.12

Giovanni Antonio Canal - Canaletto

Giovanni Antonio Canal (Veneza, República de Veneza, 28 de outubro de 1697 - 19 de abril de 1768, Veneza), mais conhecido como Canaletto, foi um artista veneziano famoso por suas paisagens, ou Vedute, de Veneza. Ele também foi um gravurista importante no ataque.

Ele era filho do pintor Bernardo Canal, daí o seu Canaletto mononym ("Canal pouco"). Seu sobrinho e pupilo de Bernardo Bellotto também era um pintor de paisagem realizado, com um estilo de pintura similar, e às vezes usava o nome "Canaletto" para fazer avançar sua própria carreira, especialmente nos países-Alemanha e Polônia, onde seu tio não estava ativo.

Canaletto nasceu em Veneza em 28 de outubro de 1697, de Bernardo Canal e Barbieri Artemisia, e fez sua aprendizagem com seu pai e seu irmão. Ele começou na profissão do pai, que de um pintor cena teatral. Canaletto foi inspirado no vedutista Romano Giovanni Paolo Pannini, e começou a pintar o cotidiano da cidade e seu povo.


















































Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 01:44

Domingo, 22.04.12

Carybé


Carybé é um pseudônimo adotado pelo cidadão Hector Julio Paride Bernabó, nascido em 1911, em Lanus, Argentina.
Suaa infância entre Gênova e Roma, na Itália e chegou ao Brasil em 1919 com a família. Freqüentou a Escola Nacional de Belas Artes no Rio de Janeiro e seguiu mais tarde para Salvador (BA), onde se fixou definitivamente a partir dos anos 50 e faleceu em 1997.








Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 11:56

Quinta-feira, 12.04.12

As mulheres de Renoir





















"A dor passa, mas a beleza permanece", disse Renoir, um dos maiores pintores impressionistas, mestre em fixar em suas telas a luz, o brilho e a beleza das coisas.

Pierre-Auguste Renoir nasceu em família modesta -o pai era alfaiate. Em 1845, a família mudou-se para Paris, mas retornaria para Limoges três anos depois.

Em 1855, Renoir, com o intuito de adquirir um ofício, foi aprender decoração de porcelana e trabalhar no próprio ateliê onde estudava. Três anos depois, começou a pintar estampas em tecidos.

Em 1862, mudou-se para Paris e foi admitido na École des Beaux-Arts. Passou a visitar regularmente o Museu do Louvre e começou a estagiar no ateliê do pintor suíço Charles Gleyre.

Em 1866, inscreveu seu quadro "A Hospedaria da Mãe Anthony" no Salão Oficial das Artes, mas foi rejeitado. Dois anos depois, o salão aceitou a tela "Lise". Mesmo assim, o impressionismo -o novo estilo que Renoir adotara- ainda não era uma forma de arte aceita pela crítica. Por isso, Renoir e seus companheiros planejaram organizar uma exposição de arte impressionista.

Mas, em 1870, com a invasão prussiana da França, Renoir foi convocado, participando da guerra como soldado.

Em 1874, Renoir e outros artistas (como Manet, Degas e Pissarro) enfim organizaram a exposição dos impressionistas.

Ela se realizou no estúdio do famoso fotógrafo Nadar. Embora rejeitada pelos críticos, a exposição se repetiria em 1876, 1877 e 1879.

Durante esses anos, Renoir foi ficando famoso. Em 1880, casou com sua modelo Aline Charigot (eles teriam dois filhos, Pierre e Jean). No ano seguinte, pintou "Rosa e Azul", o célebre "quadro das duas meninas" que hoje está no Museu de Arte de São Paulo (Masp). Em 1882, viajou para a Itália para estudar.

Em 1892, obteve reconhecimento oficial para a pintura impressionista: um quadro seu foi adquirido pelo governo francês.

Num acidente de bicicleta, em 1897, quebrou o braço. Dois anos depois, foi acometido de reumatismo, passando a ter problemas de mobilidade.

Em 1904, quando já era admirado em toda a Europa, organizou-se uma grande retrospectiva de sua obra. No ano seguinte, Renoir mudou-se para Cagnes, em busca de clima mais saudável.
Oito anos depois, as dificuldades de saúde o obrigaram a pintar sentado e amarrar os pincéis aos dedos.

Com a eclosão da Primeira Guerra Mundial (1914), teve seus dois filhos convocados (eles seriam feridos). Durante a guerra, também perdeu a esposa, Aline.

Em 1919, Renoir finalmente viu suas obras serem aceitas no Louvre. Em dezembro daquele ano, morreu em sua casa de Cagnes, aos 78 anos.


Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 18:46

Quarta-feira, 11.04.12

As mulheres de Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli


Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Sandro Botticelli

Alessandro di Mariano Filipepi passou à história da arte como Sandro Botticelli, opintor mais notável da segunda metade do século 15. O nome Botticelli deriva do apelido de seu irmão mais velho, Giovanni, conhecido como Il Botticello (o pequeno barril).

Sandro foi aprendiz de Andréa del Verrocchio entre 1467 e 1470, na mesma época de Leonardo da Vinci. Aos 25 anos abriu seu próprio ateliê e recebeu a encomenda de pintar "A Coragem", para uma instituição judicial florentina.

Dedicou boa parte de sua carreira às grandes famílias dessa cidade-Estado da Toscana, especialmente os Medici, para os quais pintou retratos. Entre tais obras destacam-se "Retrato de Giuliano de Médici" (1475-1476) e "A adoração dos Magos" (1476-1477), obra que o colocou definitivamente sobre a proteção dessa rica e importante família, que protagonizava a história de Florença e da Itália na época.

Em 1481, Botticelli foi chamado a Roma pelo Papa Sisto 4º. para trabalhar, junto com Ghirlandaio, Luca Signorelli, Cosimo Rosselli e Perugino, na decoração da capela Sistina, onde realizou os afrescos "As provações de Moisés, "O castigo dos Rebeldes" e a "Tentação de Cristo". Sua arte foi influenciada por artistas importantes como Fra Filippo Lippi e o pintor e gravador Antonio del Pollaiuolo. Participou dos círculos da corte de Lorenzo de Medici, recebendo a influência do neoplatonismo cristão que pretendia conciliar as idéias cristãs com as clássicas.

Pintou cenas mitológicas, como "A Primavera" (1477) e "O Nascimento da Vênus" (1483), a qual é uma das mais célebres obras do renascimento. Nessa mesmo ano, destacam-se a série de quatro quadros "Nastagio degli Onesti", recriações das histórias do "Decameron", de Boccaccio.

São freqüentes também os quadros de temática religiosa como "A Virgem escrevendo o Magnificat" (1485), "A Virgem de Granada" (1487), "A Coroação da Virgem" (1490), "Virgem com o Menino e dois Santos" (1485), "São Sebastião" (1473-1474) e um afresco sobre Santo Agostinho (1480).

Os anos que se seguiram a 1494 foram difíceis tanto para a cidade de Florença como para o pintor. Os Medici perderam o poder e o monge dominicano Girolamo Savonarola instaurou um governo republicano que criticava a corrupção da Igreja. Botticelli refletiu a tensão do período e a devoção religiosa em "Pietá" (década de 1490), "Crucificação Mística" (1497) e "Natividade Mística" (1501).

Autoria e outros dados (tags, etc)

por observatorio74 às 11:09


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2012

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031